Orgulho


Este post é um bocadinho umbiguista, mas nao posso deixar de o escrever.
Esta quinta-feira inaugura uma obra nova, feita por nós e foi a primeira obra que teve início depois do M. nascer e foi toda feita com ele sempre comigo.
Não foi fácil , nada fácil, desde a concepção do espaço, a todas as reuniões de obra com ele, reuniões com fornecedores, um calor enorme e ele sempre comigo, acompanhados de mala tipo "sport billy" , carrinho e horários rígidos: horas de refeições, sonos e mesmo assim lá íamos nós.
Viagens e viagens Lisboa-Santarém, horas no atelier com ele dentro do parque, com o computador do R. artilhado com o pocoyo ( desenhos animados preferidos do M ) e eu a cantar e a tentar o melhor que conseguia.
Hoje quando olho para o inicio até sinto uma certa nostalgia em relação a esses dias, apesar de não ser fácil de gerir a situação em si, nao deixou de ser uma grande experiência para os dois.
Foi preciso muita persistência, algum desespero, algumas lágrimas, um lado muito prático que desenvolvi ainda mais e muito, muito jogo de cintura.
Esta semana ao falar com dois amigos, comentei isto, não será a nossa melhor obra, terá defeitos, imprevistos, coisas que deixei passar, mas sei que dei o meu melhor, que me empenhei e só eu sei alguns dos nossos momentos mais difíceis
Esta quinta feira inaugura o restaurante.
Que valentes fomos pequeno M.
T

Comentários

  1. Parabéns querida Karrapeta! Que lutadora :) way to go..

    ResponderEliminar
  2. Os meus sinceros parabéns!! Que força!!!

    :))

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares